Cefaleia e Enxaqueca

04 fev Cefaleia e Enxaqueca

Existe uma relação direta da Cefaleia crônica com infecções virais e presença de metais tóxicos como mercúrio e para cada tipo de Cefaleia um determinado órgão, ou fator ambiental pode estar alterado gerando o sintoma correspondente. O fato é que se houver um acerto bioquímico-molecular, as predisposições e os sintomas da Cefaleia desaparecerão e sem remédios químicos.

 <img src=”http://http://www.criesaude.com/imagem.gif” alt=”Cefaléia”/>Cefaléia

CO uso excessivo de certos medicamentos – incluindo aqueles usados para tratar a Cefaleia- pode levar a ” Cefaleia por Uso Excessivo de Medicação” (DCUEM).

                                                     Cefaleia

 <img src=”http://http://www.criesaude.com/imagem.gif” alt=”Cefaléia”/>Cefaléia

Diferentes causas produzem diferentes locais de manifestação da cefaleia.

 

 <img src=”http://http://www.criesaude.com/imagem.gif” alt=”Cefaléia”/>Cefaléia

A cefaleia Tensional distingue-se da enxaqueca porque, na maioria dos casos:
– é bilateral, – a intensidade é mais leve; – não é latejante; – não se exacerba com o esforço físico; – não se acompanha de vômitos; – o ruído é menos tolerado do que a luz. A cefaleia de tensão divide-se em: – episódica pouco frequente (menos de 1 dia por mês) – episódica frequente (1 a 15 dias por mês) – crônica (mais de 15 dias por mês).

 

 <img src=”http://http://www.criesaude.com/imagem.gif” alt=”Cefaléia”/>Cefaléia

Cefaleia em salvas Sinais e Sintomas Gerais:
– Cefaleia grave e súbita em apenas um lado da cabeça
– Congestão nasal
– Olhos lacrimejantes
– Náuseas
– Vômitos
– Sonolência
– Alteração da visão
– Convulsões.

O que pode desencadear uma crise:
– Fumo
– Álcool
– Tabaco
– Altitudes elevadas (trekking, viagens aéreas)
– Luz brilhante (incluindo luz solar)
– Esforço
– Calor (tempo quente, banhos quentes)
– Alimentos ricos em nitritos (como toucinho e carnes conservadas)
– Medicamentos
– Cocaína.

Terapia com Suplementos para Enxaqueca :

 <img src=”http://http://www.criesaude.com/imagem.gif” alt=”Cefaléia”/>Cefaléia

Sempre indicados de acordo com a clínica e exames complementares, corroborados pela bioressonância. Podem ser indicados vários, a depender de cada caso, aqui apenas alguns exemplos: – Vitamina C de 50 a 250mg/d, – Potássio, aspartato (99 mg de potássio), – citrato de cálcio (100 mg de cálcio), – citrato de magnésio (100 mg de magnésio), – Omega 3 óleos (EPA – 300 mg, DHA – 200 mg) EPA / DHA, – Ginkgo Biloba – 60 mg Ginkgo Biloba, – Cúrcuma . 600 mg de 1-2 vezes por dia.

Demais Tratamentos (Técnicas complementares):

 <img src=”http://http://www.criesaude.com/imagem.gif” alt=”Cefaléia”/>Cefaléia

Existem inúmeros relatos clínicos e dados científicos de melhora da evolução de quadros de Cefaleia em geral, através da associação da homeopatia e acupuntura sendo superior a administração isolada de cada e ainda devendo ser usadas somente sob a supervisão, e/ou consulta de um profissional de saúde qualificado. Pela homeopatia podemos citar Taraxacum, Cina, Phosphorus, Arnica, entre outros, como ervas a Passiflora, Dente-de-leão. Claro que essas e muitas outras possibilidades devem antes ser checadas através de dados clínicos, anamnese completa, além de exames complementares, podendo incluir o eletro-escaneamento, microscopia e a bioressonância, para termos certeza das melhores opções terapêuticas. E também sem nos esquecermos dos fatores predisponentes, ou desencadeantes que levaram a este quadro clínico, o que pode requerer o acompanhamento de demais especialistas.

Agende uma consulta!

Entre em contato conosco nos seguintes telefones: 3889-0273/5549-7651 ou se preferir, mande um e-mail paraclement.hajian@gmail.com

                                                                                                                              
 
 <img src=”http://http://www.criesaude.com/imagem.gif” alt=”Cefaléia”/>Cefaléia

Referências : href=”http://orthomolecular.org/nutrients/vitamins.shtml”>http://orthomolecular.org/nutrients/vitamins.shtmlhttp://orthomolecular.org/nutrients/micronutrients.shtmlhttp://orthomolecular.org/nutrients/proteins.shtml                                                        – medicine for primary care (pp.137-149). Thousand Oaks, CA: Sage. – Lehrer, P.M., Vaschillo, B. (in press). –                                                     – Headache:The Journal of Head and Face Pain May 2006, Vol. 46, No. 5: 766-772 – http://www.timeforwellness.org/files/brown_stress-induced_brain_atrophy-_a_role_for_orthomolecular_medicine.pdf – http://orthomolecular.org/nutrients/carb.shtmlhttp://orthomolecular.org/nutrients/fats.shtml –                                – Acessados em 15-2-2015 às 3:12hs 

Sem Comentários

Deixe um Comentário